Posts arquivados em Tag: No canal

12 jun, 2018

[MÊS DOS NAMORADOS] Mocinhos Favoritos


Oi gente! FELIZ DIA DOS NAMORADOS! O post de hoje é bem sobre o especial desse mês (se você não sabe do que estamos falando clica aqui!) e por isso trouxemos uma listinha com os CINCO MOCINHOS FAVORITOS de cada uma de nós! Quer saber o que está nas nossas listas? Então continua lendo este post!



JESSIE

Aproveita e se inscreve no nosso canal clicando aqui para não perder os próximos conteúdos!

ANINHA

1- Edward- O Segredo do Conde

Se vocês estão acompanhando o especial romance de época por aqui vocês viram que O Segredo do Conde reina ABSOLUTO como meu preferido deste gênero (quem não viu é só clicar aqui) e o maior responsável por todo este amor é o Edward, simplesmente porque ele é incrível! Um homem que não discrimina a mulher só por ela ser mulher, que ama incondicionalmente e que é capaz de atos altruístas que nem podemos imaginar (Vocês podem conferir o que eu achei da obra como um todo AQUI) ele é engraçado e responsável e principalmente sabe tratar bem uma mulher! Sem sombra de duvidas ele é meu mocinho preferido, o amor da minha vida dos romances de época e com certeza um dos que eu gostaria de trazer para a vida real. Ele tem um carisma todo especial e mesmo quando achamos em Codinome Lady V que ele é só um alcoólatra libertino, ele consegue nos conquistar, e se vocês não conhecem eu recomendo FORTEMENTE que corram para conhece-lo!!

2- Dominic- Raptada por um Conde

Como falar deste famoso aristocrata que tanto me intrigou e que depois simplesmente ganhou meu coração? (vocês podem conferir a resenha AQUI) Gente eu já achava nos primeiros livros das irmãs Cynster que tinha algo de completamente honroso no comportamento do Dominic, mas em Raptada por um Conde nos somos apresentados a pessoa dele propriamente dita e é impossível não se apaixonar por ele e pela causa dele. Ele é cuidadoso e envolvente, tem uma paixão nele que é impossível não se envolver, ele inspira responsabilidade, mas com um toque rebelde que me deixou irremediavelmente apaixonada.

3-  Gervase- Ligeiramente Seduzidos

Aaaa este é um dos que mais me encantou em toda a série dos Bedwyns, porque ele começou a história com um discurso de ódio e só pensando em vingança (vocês podem conferir um pouco mais AQUI) e ai alguns fatos aconteceram, ele descobriu que ódio nenhum pode superar o amor e quando nos apresenta quem ele realmente é, sem o estereotipo da vingança, ele é exatamente aquele tipo de cara pelo qual nos acabamos terrivelmente apaixonadas! Ele é prestativo e solicito, envolvente e charmoso com todo aquele toque galante que deixa as mocinhas suspirando pelos cantos. O Gervase é o tipo de homem dos sonhos para mim, porque ele não é perfeito, mas ainda assim cada detalhe dele é apaixonante.

4- Simon- O Duque e Eu

Simon é o cara que eu nem conheci e já me apaixonei, nem tinha lido sobre ele direito, mas nas primeiras páginas eu já me compadeci dele e isto acabou virando um amor. Ele é vingativo também (sim percebemos um padrão no meu gosto kkkk), mas até eu queria me vingar por ele, óbvio que não da maneira dele, mas eu queria muito porque o detentor do ódio dele ganhou o meu também. Mas fora este ponto, ele é esforçado e inteligente, luta para mostrar quem ele é e seu valor, ele é carismático e encantador, lindo de inúmeras formas diferentes que não compreendem só o físico descrito. Ele sabe nos convencer do ponto de vista dele, e aí quando assustamos já nos encontramos apaixonadas.

5- Rannulf- Ligeiramente Maliciosos

Meu ultimo lugar vai para o meu irmão (homem, porque eu amo mais as irmãs) Bedwyn preferido! Minha história com o Rannulf se deu de forma despretensiosa porque quando eu fui ler o livro dele eu simplesmente não queria (falei sobre isto AQUI) e ai ele veio e me mostrou que merecia ser conhecido, me provou que ia fazer com que eu me apaixonasse por ele, porque ele é um conquistador de primeira, desenvolto e cativante, ele é aquele homem que chama a atenção por onde passa, com o ar arrogante característico da família, mas uma desenvoltura e charme encantador completamente próprios. Ele é capaz de mostrar que está certo e que tem forças e determinação para lutar pelo que ele quer e pelo que acredita ser o certo, então de uma forma óbvia eu não poderia ter terminado minha leitura de outra forma que não amando ele.

09 jun, 2018

[MÊS DOS NAMORADOS] Romances De Época Favoritos!



Oi gente! O post de hoje é bem sobre o especial desse mês (se você não sabe do que estamos falando clica aqui!) e por isso trouxemos uma listinha com os CINCO ROMANCES DE ÉPOCA FAVORITOS de cada uma de nós! Quer saber o que está nas nossas listas? Então continua lendo este post!


JESSIE

Aproveita e se inscreve no nosso canal clicando aqui para não perder os próximos conteúdos!


ANINHA

5- Os Bedwyns: Ligeiramente Seduzidos

Bom meu quinto lugar é para este livro que foi da primeira série de romances de época que eu li, e gente eu fiquei tão apaixonada que nunca mais sai deste universo. Ligeiramente Seduzidos é o quarto livro da série que contem 6 volumes e conta a história dos membros da família Bedwyn (vocês podem conferir todas as resenhas desta série AQUI) e vem contar para gente a história da irmã mais nova Morgan Bedwy, e de uma forma geral é o livro que mais me encantou, porque a gente consegue acompanhar toda a evolução da Morgan como mulher, temos um par romântico simplesmente encantador com uma história incrível também. É sem sombra de duvidas a obra em que a Mary Balogh conseguiu me conquistar da primeira a ultima página, com personagens incríveis e envolventes, fortes e determinados que terão meu amor pra sempre.



4- Os Bridgertons: O Duque e Eu

Eu demorei muito tempo para sucumbir ao maior fenômeno do romance de época: Julia Quinn, e isto porque só tinha em minhas mãos O Duque e Eu e tinha absoluta certeza que quando o lesse ficaria loucamente desesperada para ler os outros livros da serie, e adivinhem só? Eu estava certa! Os personagens são bem escritos e a autora soube criar tão bem o drama envolvendo o passado do Simon que não tem como não morrer de ódio pelo pai dele e se compadecer com tudo pelo que o rapaz passou, afora o obvio: é impossível não se apaixonar por ele (mesmo quando age como um idiota!) E a Daphne é uma mocinha incrível, dona de si e que sabe o que quer, as vezes ela da umas escorregadas, mas a gente entende que da época. De uma forma geral a história foi feita para ganhar corações e com certeza o meu é um dos que foram ganhados.

3- As Irmãs Cynster: Raptada Por Um Conde

O que dizer sobre estes livros que simplesmente me ganharam de primeira? No início do primeiro livro eu não diria que me apaixonaria assim por alguém que é capaz de sequestrar meninas de uma mesma família aparentemente sem um motivo justo (vocês podem conferir as resenhas AQUI). Mas gente a Stephanie Laurens tem uma escrita envolvente, com uma construção de personagens maravilhosa e um enredo de tirar o folego! Todos os livros são muito bons, mas esta é uma parte da história que foi encerrada com chave de ouro! Raptada Por Um Conde não é nada se não completamente envolvente, é uma obra que não tem como não se apaixonar porque a Angelica é a mais impetuosa e decidida das irmãs Cynster e o Dominc é o perfeito cavalheiro (apesar do que aparenta!). Ele é, se sombra de duvidas, o que arrebatou meu coração!



2- Quase Inocentes

Chegamos em um ponto frágil: o primeiro romance de época que li na minha vida! Sim, meu primeiro romance de época é um romance de banca, um romance que quase ninguém conhece e um romance que mesmo depois de anos (ele foi lançado em 2006 e vocês podem conferir a resenha dele AQUI) ainda possui um lugar super especial no meu coração! E por quê? Porque é uma história com uma personagem forte, que teve que enfrentar uma perda repentina e dolorosa dos pais e se viu obrigada a virar adulta, cuidar de uma taverna e de um avô que tinha o habito de “pegar coisas emprestadas” sem que seus donos soubessem do empréstimo. Assim Leah foi a primeira mocinha forte que eu conheci, e a primeira que acabou envolta em tudo o que ela sempre disse que iria evitar. Jack Morgan é o mocinho não tão mocinho assim, mas que é sedutor e de uma forma absurda acaba por conquistar o amor das pessoas. Foi também o primeiro personagem que me mostrou que ninguém inteiramente mau ou bom, tudo depende das circunstancias e das intenções. 

1- Os sedutores de Havisham: O Segredo do Conde

Chegamos ao meu primeiríssimo lugar! Aquela obra que possui total e completamente meu coração, aquela que me conquistou de um jeito absurdo e me fez entrar em ressaca. O Segredo do Conde era uma obra que eu aguardava ansiosamente e que superou completamente minhas expectativas (vocês podem conferir a resenha AQUI) foi uma história completamente envolvente, que tomou conta do meu coração! Com situações improváveis e um casal mais improvável ainda que a Lorraine Heath conseguiu me fazer shippar, ela me fez torcer pelo casal, me fez torcer para o Edward conseguir cada coisa que ele queria porque ele é tão apaixonante que eu quase entrei no livro e falei com ele “Você quer o mundo? Eu te dou!” kkkk o primeiro lugar do meu top 5 de romances de época não podia ser diferente porque é a obra que toma conta do meu coração! Desde o primeiro instante eu fiquei presa e curiosa para saber como as coisas seriam, derramei lagrimas e dei sorrisos, tudo em um misto de gratidão imenso! É sem sombra de duvidas o livro que eu mais recomendo, porque ele virou dono e proprietário do meu coração.

04 jun, 2018

[ESPECIAL] Mês Dos Namorados!


Oi gente! Hoje tem post extra aqui no blog porque queremos dar uma notícia muito maravilhosa sobre o que vai acontecer aqui no site durante todo o mês de junho! Então vem saber das novidades gente!

Aproveita e se inscreve no nosso canal clicando aqui para não perder os próximos conteúdos!


Sim! Você não entendeu errado! Vamos ter um mês inteiro dedicado aos ROMANCES DE ÉPOCA aqui no Paraíso Literário (claro que vamos trazer outros conteúdos também!), uma semana LGBTQpara celebrar a diversidade e ainda uma grande surpresa no nosso aniversário de quatro anos!

Se isso não for motivo suficiente para que fiquem ligadinhos aqui, não sei o que é (rs!). Espero que continuem nos acompanhando e gostem das novidades. Assistam ao vídeo porque vai estar tudo bem explicadinho ali!
12 dez, 2017

[RESENHA] Firebird #2: Dez Mil Céus Sobre Você



Oi gente! Finalmente voltei para conversar com vocês sobre Dez Mil Céus Sobre Você, segundo livro da trilogia Firebird da Claudia Gray e publicado aqui no Brasil pela HarperCollins Brasil! Já postei um vídeo e um texto e se você quiser conferir pode clicar aqui.

A família de Margarite está começando a entender um pouco melhor como funciona o Firebird, dispositivo que permite que a consciência de um indivíduo pule de uma dimensão para a outra, assim como a questão de a própria Meggie ser uma “viajante perfeita” graças às artimanhas de Wyatt Conley, mas a calmaria experimentada pela família Caine está prestes a acabar.


Eles começaram a descobrir que o Furtanoite, droga que os viajantes comuns usam para se manter no controle em corpos de outras dimensões sem os lembretes, tem efeitos horríveis em Theo e quando Paul decide ir até o Tríadeverso para procurar a cura que o melhor amigo precisa acaba caindo na armadilha de Conley, que fragmenta sua consciência em várias partes.


Para conseguir reunir as partes fragmentadas da consciência de seu amado, Marguerite tem que viajar para as dimensões determinadas por Wyatt Conley e sabotar o projeto de seus pais. O problema é que, ao fazer isso ela não estará apenas destruindo a pesquisa deles ao longo de várias dimensões e dando o poder que Conley precisa, ela também estará colocando em perigo a sua vida e quem sabe de quantas outras pessoas! O amor que sente por Paul vale tamanho sacrifício?


Bom, se você leu a minha resenha anterior ou assistiu ao vídeo em que falei de Mil Pedaços De Você provavelmente já sabe que adorei o primeiro volume da trilogia e que estava bastante ansiosa para saber o que viria a seguir, mas mesmo assim ainda fiquei surpresa com a quantidade de coisas que aconteceu nesse livro (que não tem mais de 350 páginas!) simplesmente tirou o meu fôlego!


A escrita simples e fluida de Claudia Gray é absolutamente fantástica e faz com que o leitor vire as páginas em uma velocidade deliciosa. Além disso ela realmente consegue desenvolver bem seus personagens e, como estamos falando sobre uma fantasia de viagens interdimensionais, vemos várias nuances desses personagens, singularidades e constâncias a cada novo universo. É bem interessante também que, ao mesmo tempo, passamos a conhecer melhor também os viajantes, que reagem de uma maneira ou de outra dependendo da situação para qual foram lançados. Então, temos personalidades bem desenvolvidas para cada um da trama.


Passamos também a entender um pouco melhor as motivações do grande vilão da trama. Claro que no livro anterior a autora não nos deixou no escuro, mas foi só agora que tudo ganhou foco na trama, já que no começo de Mil Pedaços De Você não sabíamos muito sobre Conley e tudo girava em torno de como Maggie queria vingar a morte falsa de seu pai.


Marguerite continua sendo uma personagem interessante, forte e audaciosa, ela conseguiu realmente me cativar. Mesmo em seus momentos mais frágeis, Maggie é incrível e fiquei torcendo para dar tudo certo pra ela. Theo, que novamente viaja com ela (dessa vez o Theo certo!) é meu personagem favorito! Sério, ele é sarcástico, impetuoso e eu simplesmente caí de amores por ele desde o primeiro livro. Paul também não fica atrás, apesar de completamente diferente dos outros, é um personagem muito bem construído, com seu jeito quieto, dramas familiares e lealdade incrível. E nem vou ficar falando da família Caine ou ficarei aqui durante horas, mas sério, amei os pais e a irmã de Marguerite.


Por último, quero dizer que apesar da tentativa da autora de construir um casal todo amorzinho eu simplesmente não consegui torcer por Paul e Marguerite, gosto de ambos os personagens de maneira separada, quando estão juntos acho o casal bem chato e não consigo entender o amor dos dois, ou torcer por eles. Definitivamente estou no time do Theo!


Se eu acho que o livro vale a pena? Sim! A reviravolta final simplesmente me deixou sem chão e eu nem preciso dizer que já quero passar Um Milhão de Mundos Com Você na frente de todas as minhas outras leituras porque, sério, o plot twit desse livro foi absoluta e totalmente desesperador!



Título: Dez Mil Céus Sobre Você | Série: Firebird | Páginas: 336
Autor(a): Claudia Gray | Tradutor(a):  Gabriela Froes | Editora: HerperCollins Brasil


TRILOGIA FIBREBIRD
Mil Pedaços De Você | Dez Mil Céus Sobre Você | Um Milhão de Mundos Com Você

05 dez, 2017

[RESENHA] Amores Improváveis #1: O Acordo

Desde que a Editora Paralela lançou O Acordo, esse livro estava “encalhado” aqui na minha estante, já tinha começado e parado a leitura algumas vezes porque estava passando por uma daquelas terríveis ressacas literárias, mas semana passada ela finalmente passou e cá estou eu para contar o que achei desse livro para vocês.

Hanna Wells é uma jovem adulta que cursa música na prestigiada Briar, uma prestigiada universidade do Iwoa. Ela não é muito de festas, só vai para alguma quando sua melhor amiga a arrasta para alguma, não é muito popular também, mas é inteligente e totalmente caidinha por Justin Khol, um jogador de futebol americano muito popular e que nem nota a sua existência.

Garret Graham é o estereótipo do cara popular: bonito, pegador, capitão do time de hóquei, ele aparentemente não tem dificuldade de conciliar tudo isto, mas quando ele vai mal na prova de Filosofia (na qual Hanna tirou total!) ele vê seu futuro incerto: se não conseguir melhorar pode dizer adeus ao seu lugar no time.

É assim que ele acaba percebendo a existência de Hanna (ou Wellsy, como ele a chama) e mostrando que a insistência e uma boa proposta têm seu valor: ele ajudará Hanna a ser notada por Justin e ela o ensinará filosofia a ele, mas as coisas podem se começar a se complicar quando a improvável amizade se transforma em algo mais.

Apesar dos esteriótipos de cada um, há um drama muito grande envolvendo Hanna e Garret e ele vai sendo apresentado ao leitor de maneira muito interessante, no começo são só pistas (principalmente sobre o passado dela), mas que já vai nos preparando para o momento em que as histórias serão reveladas.

Achei toda a trama muito bem desenvolvida, com personagens secundárias bem construídas e não ali apenas “por estar”. O background do casal é absolutamente pesado (não posso contar qual é ou seria muito sem graça) e eu honestamente fico com os dois pés atrás quando vejo uma história indo para este lado porque pode dar muito errado se a autora não souber trabalhar o enredo e os sentimentos das personagens para ficar algo crível. Elle Kennedy soube fazer isto com maestria.

Neste momento eu acabo de começar o livro três da série (que contém apenas quatro volumes. Um para cada amigo citado no primeiro livro) e apesar de ter gostado muito da história do Logan (O Erro) eu não consegui me sentir ligada à trama tanto quanto neste, muito em função da protagonista, mas isto é assunto para a resenha do próximo livro!

Acho importante falar que este é um livro erótico sim, apesar de que neste contexto o sexo tem um significado muito maior, muito mais profundo e tocante. Não estamos falando apenas de pegação entre duas pessoas que começaram o livro se achando atraente (não que este tipo de enredo me incomode).


É interessante ressaltar que o livro é narrado em primeira pessoa alternando o ponto de vista dos dois, o que me agrada muito já que assim podemos entender bem a motivação de cada personagem. Para quem não sabe, este é o meu tipo favorito de narrativa.
O Acordo é um livro que fala de cicatrizes, traumas que todos levamos conosco pela vida e como cada pode reagir de uma forma completamente diferente a este tipo de coisa. Se você não gosta de livros eróticos ou acha que o gênero traz apenas histórias rasas recomendo que leia esta obra para ver que pode estar perdendo muito ao julgar um livro antes de lê-lo.


VÍDEO



E bateu aquela preguicinha de ler a resenha? Então aproveita que tem vídeo com a minha opinião sobre O Acordo! Não se esquece de deixar aquele joinha no vídeo caso goste tá bom? 


Não deixe de se inscrever no canal para ficar por dentro de tudo que rola lá!


Título: O Acordo | Série: Amores Improváveis | Páginas: 360  
Autora: Elle Kennedy | Tradutora: Juliana Romeiro | Editora: Paralela

AMORES IMPROVÁVEIS
O Acordo | O Erro | O Jogo | A Conquista
22 out, 2017

[NO CANAL] Vamos Falar De Cachorro?

Oi gente! Hoje vamos conversar sobre um dos maiores amores da minha vida: cachorros! O vídeo ficou bem legal, falei sobre a Sansa (minha cachorra que morreu no ano passado), da Rihanna (a pit bull que passou um tempo aqui em casa) e da Cristal (minha nova filha). Eu espero de coração que gostem!

VÍDEO


Não deixe de se inscrever no canal para acompanhar todo o conteúdo postado lá!


Não esqueça de participar do Sorteio Do Desapego que está acontecendo no canal e no blog, você pode ganhar vários livros incríveis!

Até o próximo post!
Beijinhos ;*
15 out, 2017

[NO CANAL] Estou De Volta! Novidades, Avisos + Sorteio Do Desapego!



Oi gente! Estou de volta com alguns anúncios sobre o rumo do blog e com um super sorteio para inaugurar esta nova fase do Paraíso Literário. Ficou aí morrendo de curiosidade? Então assista o vídeo e saiba tudo!



VÍDEO



PRÊMIO, REGRAS E FORMULÁRIO

Assistiu todo o vídeo? Então agora que você já sabe sobre as novidades basta seguir as regrinhas e preencher corretamente o formulário.

PREMIO

O sortudo ou a sortuda poderá escolher 3 livros entre as mais de 20 opções (algumas nem apareceram no vídeo porque é livro demais!) que estão na imagem abaixo.*

No Google Drive tem um documento público com o nome TODOS os livros que estão sendo sorteados, caso queira acessa-lo basta clicar aqui.

*SORTEIO VÁLIDO APENAS PARA OS LIVROS EMPILHADOS EM PRIMEIRO PLANO


REGRAS

As regras foram explicadas no vídeo, então caso tenha alguma dúvida é só voltar lá e ver tudo certinho. 

É importante que você saiba TODAS as regras e preencha CORRETAMENTE o formulário, qualquer descumprimento aos termos do sorteio implica em desqualificação do participante sem qualquer necessidade de justificativa.


FORMULÁRIO

O formulário começa a valer hoje 15 de outubro de 2017 (momento em que o vídeo e este post estão indo ao ar!) e é válido até as 23:59 do dia 30 de novembro de 2017. Até lá você pode entrar e participar o quanto quiser. Use e abuse das chances extras para dar aquela ajudinha à sua sorte!
 

a Rafflecopter giveaway

Leia o anexo Terms&Conditions para saber todos os detalhes do sorteio.



Que a sorte esteja sempre a seu favor!
Até o próximo post
Beijinhos ;*